Secretaria de Obras Públicas inicia reparos emergenciais no Sobrado da Baronesa

Atendendo solicitação formulada pelo secretário adjunto de Cultura, Paulo Sérgio de Sá Leitão, e mediante pronta autorização do prefeito Gustavo Soares (PR), a Secretaria de Obras Públicas começou uma série de ações emergenciais na estrutura física do Sobrado da Baronesa – principalmente no telhado –, no qual se instala a Casa de Cultura Popular sob gestão da Fundação José Augusto (FJA), órgão autárquico do Governo do Estado. Aflito com o cenário de deterioração do centenário imóvel e ante a absoluta inércia da FJA no sentido de restaurá-lo, em que pese estar sob controle do Estado, o secretário Paulo Sérgio apelou ao governo municipal que, de imediato, determinou a execução dos serviços no prédio que simboliza um dos importantes patrimônios culturais do Assú.

O secretário adjunto de Cultura lamentou a posição de total ausência do Estado diante da questão, registra a informação vinda da Secretaria de Comunicação e Ouvidoria. O secretário municipal Paulo Sérgio agradeceu à sensibilidade do prefeito Gustavo Soares, da vice-prefeita Sandra Alves (PMDB), da secretária de Educação e Cultura, Shirley Albano, e do secretário de Obras Públicas, Marcelo Galvão, permitindo que algo seja feito para ao menos atenuar o risco de o Sobrado da Baronesa, expressiva peça histórica do município, vir a desmoronar em razão do visível descaso do Governo do Estado.

A notícia com credibilidade.